23 de julho de 2008

Caros,

Posto que:

- quando o Murilo Benício fala nós pensamos que ele está forçando a voz com objetivos humorísticos;
- que, na verdade, aquela é a voz natural dele, não apenas a voz canastrona de seu personagem de Pé na Jaca;
- e que ele supostamente interpreta um vilão sério na novela atual;

Desejo conseguir apoio para a campanha "Faz fono, Murilo Benício". Doações são aceitas.

16 de julho de 2008

Balls out, my life is a slut/This dick don't hit the bottom, but I fuck the sides up

Ontem no The Moment of Truth brasileiro, aquele do Silvio Santos, Roberta Close foi desclassificada porque disse que tinha orgasmos — o polígrafo não acreditou, até porque ela não fez a menor questão de parecer crível, disse: "Claro, sou uma mulher completa", e na própria mente adicionou: "apesar de não parecer".

A resposta de Roberta Close só mostra que ela ainda está ligada demais ao universo masculino para que se junte de fato às fileiras das mulheres. Se ela tivesse metade do conhecimento do universo feminino que eu tenho, adquirido via comédias românticas, ela saberia que mulheres nunca têm orgasmos, sempre fingem e usam esse fato para humilhar seus amados quando há uma briga. "Eu nunca gozei!", as coitadas sempre dizem, crentes de que estão abafando — apesar de ser uma estratégia meio idiota, né, convenhamos, se ela não gozou, azar o dela, eu gozei em todas as vezes.

Fato é também que esse The Moment of Truth brasileiro continua meio baixo nível, até porque só vão artistas. Eles não fazem questão de ser muito performáticos nas suas aparições no programa, e estão preocupados demais com a própria imagem e possibilidade de futuros ganhos para fazer revelações bombásticas. Nos EUA, como só vai ralé, neguinho joga tudo pro alto e abraça a possibilidade de dinheiro imediato. Que nem aquela mulher que confessou que havia traído o marido, foi totalmente awesome. Só seria mais awesome se ela confessasse a traição e a máquina dissesse que ela mentiu.

14 de julho de 2008

I'm a sailor peg/and I've lost my leg/I've climbed up the top sails/I've lost my leg/I'm shipping up to Boston/I'm shipping off to find my wooden leg

Pretendia fazer um gif sobre a última briga entre blogueiros de aluguel e BlueBus, usando um vídeo da Vera Verão. A gostosona da vez do esquete chamaria Jorge Lafond de "blogueira de aluguel" e ele, ultrajado, rodopiaria e gritaria "Êpaaa! Êpaaa! Blogueira de aluguel, não! Eu sou uma quase-escritora imparcial que publica suas opiniões desenviesadas em mídia digital mediante pagamento por uma das partes interessadas!".

Mas fiquei com preguiça.

Além do mais, o gif ia ficar meio inaccurate, já que o BlueBus ia precisar de muito webdesign (faço layout baratinho) para ser representado por uma gostosona. Bom, pelo menos o Jorge Lafond ia representar bem a classe blogueira. Fica aí a idéia para quem tem mais disposição do que eu.

11 de julho de 2008